Saúde

Mídia CG > Saúde > CAMPO GRANDE AMPLIA NÚMERO DE LEITOS DE UTI PARA DESAFOGAR HOSPITAIS REFERÊNCIA PARA COVID-19

CAMPO GRANDE AMPLIA NÚMERO DE LEITOS DE UTI PARA DESAFOGAR HOSPITAIS REFERÊNCIA PARA COVID-19

Fonte: PMCG

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

A Prefeitura de Campo Grande, em parceria com o Governo do Estado, está viabilizando a disponibilização de 18 novos leitos de Unidade de Terapia Intensivo (UTI) adulto no Hospital de Câncer Alfredo Abrão. A intenção é  absorver a demanda de pacientes em estado grave e desafogar outros hospitais como a Santa Casa de Campo Grande e o Hospital Regional Rosa Pedrossian (HRMS), que atualmente é referência para atendimento de pacientes com coronavírus (Covid-19).

Para a estruturação dos leitos foram disponibilizados nove ventiladores mecânicos (respiradores) pelo município e nove pelo Governo do Estado. O custeio de aproximadamente R$1,6 mil por leito será dividido entre os dois entes, até que seja feita a habilitação junto ao Ministério da Saúde.

Outros dois leitos já existentes estão sendo ativados pelo hospital, totalizando 20 leitos de UTI disponíveis para receber a demanda SUS.

Essa pactuação faz parte da estratégia de ampliação de leitos  que está sendo feita pela Prefeitura de Campo Grande desde o início da pandemia.  O município passa a contar com 494 leitos contratualizados com hospitais público, filantrópicos para atendimento exclusivo de Covid-19, sendo 324 clinicos e 170 de UTI.

Está em fase de finalização a implementação de mais 10 leitos de UTI no Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian (HUMAP) que poderão ser utilizados também para atendimento de pacientes com outras patologias.

Cenário

Até o dia 09 de julho o município registrou 3.984 casos confirmados e 29 óbitos por Covid-19. Atualmente há 132 pacientes internados, sendo 82 em leitos clínicos e 50 em UTI, tanto em hospitais públicos quanto privados.