Campo Grande, MS
segunda-feira, 23 de novembro, 2020

Educação

Mídia CG > Educação > CICLO DE PALESTRAS LEVA INFORMAÇÕES DE PROJETOS E MERCADOS PARA PRODUTORES RURAIS

CICLO DE PALESTRAS LEVA INFORMAÇÕES DE PROJETOS E MERCADOS PARA PRODUTORES RURAIS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

Saber onde vender a produção, conhecer os programas governamentais que incentivam a agricultura familiar e ter acesso direto a empresários que trabalham com esses produtos foram os principais objetivos do ciclo de palestras “Oportunidades de Mercado para a Agricultura Familiar”, que aconteceu nesta quinta-feira (2), na Esplanada Ferroviária.

Promovido pela Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, o evento é parte da programação do aniversário dos 119 anos de Campo Grande.

IMG_7221 (Copy)Produtora rural, dona Vilma Naves da Silva, moradora do Assentamento Conquista, contou que cria gado de leite, junto com o marido, e vê no ciclo de palestras oportunidade de aprendizagem e de fazer network.

“Tenho 69 anos e trabalho até hoje com meu marido. A gente cria gado de leite e eu faço pão caseiro para vender e alguns doces com a fruta que gente tem lá. A Sedesc nos dá apoio, nos orienta, acompanha. O apoio técnico é muito importante, porque muitas vezes a gente não sabe aonde ir, onde procurar para vender o produto e eles nos auxiliam nisso. O que facilita muito”, disse.

Os produtos fresquinhos da dona Vilma enfeitaram a mesa do evento. Pães fresquinhos, sucos com frutas e verduras do assentamento ficaram à disposição de todos para degustação.

Ter produtos fresquinhos sempre à mesa exige dedicação. O prefeito Marquinhos Trad frisou o cuidado que os produtores têm até o produto chegar às nossas casas.

“A vida é um plantio e vocês sabem que para colher bem não é da noite para o dia. Um fruto, ou uma verdura sadia leva tempo. Primeiro tem que analisar a terra, preparar, plantar a semente na posição correta, cuidar da germinação, passar os elementos necessários para as pragas não extingam a plantação e ai que vai colher. É uma série. As pessoas só olham o produto final. Não sabem a dificuldade que é chegar aqui”, disse.

IMG_7253 (Copy)As informações objetivam reduzir as dificuldades. Mostrar técnicas e caminhos que os produtores devem fazer para aproveitar ao máximo a produção. Além disso, é uma oportunidade para conhecer, tirar dúvidas e oportunizar o acesso a políticas públicas de mercado, que podem contribuir para o desenvolvimento sócio econômico da agricultura familiar do município e região.

Secretário adjunto da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Fernando Pontalti, pontuou que Campo Grande é um município com uma enorme extensão territorial e apenas 4% é área urbana e 96% de área rural.

“Todo o desenvolvimento que a gente via acontecia na área urbana, e muito pouco na rural. É fundamental o trabalho de vocês, o dia a dia de vocês, para trazer qualidade aos nossos alimentos e também a ocupação desse espaço que temos em abundância”, afirmou.

Foram debatidos os temas Políticas Públicas Para a Agricultura Familiar, Programa Nacional da Alimentação Escolar focando a chamada pública do município de Campo Grande a ser realizada em 2019, Programa de Aquisição de Alimentos modalidade PAA Institucional, focando a chamada publica do Comando Militar do Oeste CMO; Modalidade PAA Compra direta com Doação Simultânea e Potencial de compra de Empreendimentos do Mercado Local.

Para o presidente do Sindicato da Agricultura Familiar de Campo Grande, Elias Dias Freitas, as  informações são muito importantes.

“De fato está faltando informações em relação aos programas, pois muitos produtores não conseguem acessar esses programas. Com esses eventos eles passam a conhecer e saber onde procurar”, finalizou.