Campo Grande, MS
domingo, 23 de janeiro, 2022

Notícias

Mídia CG > Notícias > Cidades paulistas contabilizam prejuízos após fortes chuvas

Cidades paulistas contabilizam prejuízos após fortes chuvas

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

Municípios da grande São Paulo e do litoral paulista contabilizam os prejuízos causados pelas fortes chuvas do fim de semana. A situação mais crítica é da cidade de Mauá, onde quatro crianças morreram soterradas, vítimas de deslizamento de terra.

A Defesa Civil interditou, em Mauá, 20 moradias que também apresentavam riscos. As famílias desalojadas foram levadas para o Ginásio da Vila São João e receberam 60 cestas básicas, 35 colchões, 35 lençóis, 30 conjuntos de higiene pessoal e lonas.

Na capital paulista, houve deslizamento de terra proveniente de um talude com aproximadamente 10 metros de altura, segundo a Defesa Civil, na Avenida Jacu Pêssego, Jardim Nova Conquista. Duas faixas da avenida chegaram a ser interditadas.

Em São Caetano, foram registrados vários pontos de alagamentos de vias e quedas de árvores. Cinco casas na rua Tietê ficaram alagadas. Vinte pessoas ficaram desabrigadas e se mudaram para a casa de parentes.

Litoral

Em Peruíbe, no litoral paulista, a água invadiu 46 casas e 80 pessoas ficaram desabrigadas.

Metade das pessoas foi acolhida no Núcleo de Ações Educativas Sociais das cidades e o restante foi para a casa de parentes.

Entre os bairros mais atingidos estão Caraguava, Jardim das Flores, Ribamar, Arpoador II e São João Batista II. Não houve vítimas.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tempo continuará instável na Região Metropolitana de São Paulo, com chuvas e temperaturas em elevação em todo o estado.

Fonte: Agência Brasil