Campo Grande, MS
terça-feira, 28 de setembro, 2021

Notícias

Mídia CG > Notícias > COMEÇA PAVIMENTAÇÃO ESPERADA HÁ 20 ANOS POR MORADORES DO JARDIM MORENÃO

COMEÇA PAVIMENTAÇÃO ESPERADA HÁ 20 ANOS POR MORADORES DO JARDIM MORENÃO

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

A  Prefeitura de Campo  Grande iniciou a pavimentação do Jardim Morenão, obra  reivindicada pela população do bairro há 20 anos e que foi retomada seis anos após ter sido iniciada e interrompida, em 2012 . A empreiteira terminou os 746 metros de  drenagem programados e começou a aplicar a capa asfáltica em duas frentes de serviço, um trecho de 115 metros da Rua Iraque (entre a Centro Oeste e a Goiatuba)  e numa rua paralela, a Mirai (também entre a Centro Oeste e a Goiatuba).

Botafogo (8)A chegada dos trabalhadores, equipamentos e caminhões carregados de massa asfáltica atraiu a atenção dos moradores, muitos descrentes de que um dia a obra seria feita. “Posso dizer que com o início do asfalto em frente de casa, ganhei o ano. O presente de Natal chegou antecipado”, comemora o aposentado Enoque Soares, 66 anos,  que há 20 anos mora  na Rua Iraque.

O mesmo entusiasmo é compartilhado por uma das sua vizinhas,  dona Sônia Pellegrini, que por 15 anos conviveu com o bairro e a poeira. “Para dizer a verdade, já nem acreditava que este asfalto seria feito um dia. Há alguns anos colocaram esgoto, colocaram tubulação e o serviço por aí”, declarou.

Para o comerciante Marcio Araújo, dono de uma mercearia na esquina das ruas Iraque com Goiatuba (já pavimentada), a chegada do asfalto representa melhor qualidade de vida e valorização dos imóveis. Já Celso da Silva Ferreira, que mora na Rua Mirai, pontua que a obra representa o fim de 15 anos de convivência com a poeira e o barro.

O projeto

Botafogo (1)A pavimentação do Jardim Morenão, que atende também o Residencial Anápolis, chegou a ser iniciada em 2012, mas a obra parou porque a empreiteira rescindiu o contrato.

Ano passado a Prefeitura esteve na iminência de perder o recurso, mas depois de intervenção do prefeito Marquinhos Trad junto ao Ministério das Cidades, o convênio, que venceria em abril, foi renovado. Estão sendo  investidos R$ 1.332.560,82 na execução de 746 metros de drenagem e 2,2 quilômetros de asfalto.

Serão pavimentadas as ruas Paraúna (entre Centro Oeste e Rivaldir Alberti); 13 de Novembro (entre Centro Oeste e Goiatuba); Canabras (entre Centro Oeste e Rivaldir Alberti); Mirai (entre Centro Oeste e Goiatuba); Mirai (entre Rivaldir Alberti e Divino Fonseca); Rodrigo Moura (entre Rivaldir Alberti e Fim de Rua); Iraque (entre Centro Oeste e Kilda Monteiro); Pompeu Ferreira (entre Centro Oeste e Rivaldir Alberti); Junes Salaminy; Kilda Monteiro; Francisco dos Anjos (entre Assaré e Rodrigo Moura) e Divino Fonseca (entre Assaré e Rodrigo Moura).