Campo Grande, MS
quarta-feira, 2 de dezembro, 2020

Notícias

Mídia CG > Notícias > CONTRIBUINTES APROVEITAM ÚLTIMO DIA DO REFIS PARA QUITAREM DÍVIDAS

CONTRIBUINTES APROVEITAM ÚLTIMO DIA DO REFIS PARA QUITAREM DÍVIDAS

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

Centenas de contribuintes estão aproveitando o último dia do Refis para quitarem suas dívidas com a Prefeitura de Campo Grande. A Central do IPTU está lotada desde cedo. Nos últimos dois dias, 4.000 contribuintes procuraram a atendimento. Para atender a todos, a Prefeitura disponibilizou mais de 70 funcionários na Central e em uma tenda armada no estacionamento lateral, da Rua Arthur Jorge, para agilizar o serviço.

IMG_4442 (Copy)José Pacheco está aproveitando o Refis pela segunda vez. “O ano passado eu estava na dívida ativa e devia quase R$ 30 mil. Fiz o parcelamento, que ficou em torno de R$ 5 mil. Agora, vou fazer o que ficou para trás. Porque ainda não tinha conseguido quitar tudo”, disse, frisando que vale muito a pena o desconto.

Guiomar Pereira dos Santos acredita que vale a pena enfrentar a fila e pagar com desconto. “É só em um período do ano que a gente tem essa oportunidade de pagar com desconto. Então, vale a pena a gente aproveitar e por as contas em dia”, afirmou.

De acordo com o secretário municipal de finanças e planejamento, Pedro Pedrossian Neto, quem aproveitar este último dia do Refis terá 85% de desconto para pagamento à vista nos juros e na correção monetária.

IMG_4439 (Copy)“Então, quando você pega um divida antiga, você vê que mais da metade da divida é juros e correção. Vale a pena. E mesmo para quem não puder pagar à vista, tem desconto. Pode pagar até em 6 vezes com 70% de desconto nos juros e na correção monetária. Ou em 12 vezes, com 20% de desconto nos juros e na correção monetária”, explicou.

Já as multas, todas elas, exceto as de trânsito, tem até 75% no valor principal. “Se você tem uma multa de R$ 1 mil, vai pagar R$ 250,00. Condição única – é quase uma anistia”, afirmou.

Esta é a forma que a Prefeitura de Campo Grande está proporcionando para as pessoas pagarem as dívidas.

“A gente entende a crise que o país passa e a Prefeitura é solidária ao contribuinte, estende a mão para que ele possa regularizar, ou não vamos conseguir receber. Temos um quadro de 30% de inadimplência de IPTU”, informou Pedro Neto.

Até agora a Prefeitura já recuperou R$ 30 milhões. A dívida ativa total dos contribuintes para com o Município é de R$ 2,6 bilhões.