Campo Grande, MS
terça-feira, 24 de novembro, 2020

Notícias

Mídia CG > Notícias > EVENTO NA SEMED VALORIZA TRABALHO DE PROFISSIONAIS DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES

EVENTO NA SEMED VALORIZA TRABALHO DE PROFISSIONAIS DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

Com o objetivo de estimular os profissionais lotados nas bibliotecas escolares da Rede Municipal de Ensino (Reme), a Secretaria Municipal de Educação Semed realizou nesta terça-feira (13), no espaço de formação Lúdio Martins Coelho o “I Encontro de Mediadores Pedagógicos das Bibliotecas Escolares”. O objetivo é incentivar o desenvolvimento de práticas coletivas no ambiente escolar e no processo de ampliação dos saberes vivenciados por servidores em conjunto com a equipe da escola. 

O evento, que acontece até o final do dia, é voltado a professores readaptados e assistentes em bibliotecas. Diferente das formações que enfatizam as palestras, a Superintendência de Políticas Educacionais da Semed optou por organizar uma ação com foco em atividades artísticas e culturais.

Dessa forma, a abertura contou com apresentação do coral “Vozes Especiais”, regido pela maestrina Sandra Melo, composto por crianças e adolescentes com necessidades especiais. Em seguida, o instrumentista Marcelo Loureiro também apresentou músicas de seu repertório.

“Todo o evento direcionado a profissionais de Educação, num país como o Brasil tem que ser valorizado. Sempre quando recebo o convite eu tento contribuir da minha forma, mostrando um pouco da arte para que isso estimule e inspire os professores”, comentou Marcelo Loureiro.

A vice-prefeita Adriane Lopes, que marcou presença na abertura do evento, ressaltou as ações da Prefeitura de Campo Grande para humanização dos projetos municipais. “A presença de todos neste evento estimula mais a Prefeitura a continuar fazendo a cada dia mais pela educação do município. Parabenizo a todos pela iniciativa. Trabalhamos para a humanização das ações”, disse.

A coordenadora do encontro, professora Mirna Santana, falou sobre o empenho dos professores para participarem das formações continuadas. “Encerramos um ciclo, estamos chegando ao final do ano e vamos começar um novo. Sei o quanto os professores se esforçam para virem nas formações. A biblioteca é a alma da escola e sei que podemos fazer a diferença”, pontuou.

O deputado estadual Lídio Lopes, que também esteve presente no evento, falou do papel dos professores nas biblioteca.

“É fundamental a importância que cada um tem quando se trata do trabalho voltado nas bibliotecas. Quando eu estudava a maior ligação que eu tinha era com a bibliotecária. Elas auxiliavam nas pesquisas e sabiam tudo”, lembrou.

Professoras da Academia Sanguetsu, da Fundação Mokiti Okada realizaram uma oficina de ikebana, que é a tradicional arte japonesa de criar arranjos florais e que consiste em enobrecer o sentimento humano, tanto de quem compõe, quanto de quem contempla.

A professora Rosa Maria Dias, responsável pelo grupo de instrutores de elaboração de ikebanas, comentou o benefício da arte como forma de terapia. “É uma arte secular que trata de levar o belo no cotidiano. No dia a dia a flor ela gera uma energia e leva ao ambiente, serenidade. A ikebana gera gentileza, o compartilhar e a organização do ambiente”, explicou.

Maria Inês Barbosa dos Santos, professora da biblioteca da escola municipal Antônio José Paniago, aprovou o enfoque humanizado da formação.

“Estamos precisando de humanização. Hoje em dia é tudo muito mecânico, as pessoas não dão bom dia, um abraço. É um momento de descontrair, de pensar e de fazer uma reflexão”, disse.

Já a professora lotada na escola Ione Catarina, Adriana Lino, acredita que o evento e suas oficinas fortalecem o trabalho e proporciona ações positivas.

“Achei ótima a proposta do evento, diferenciada de tudo que a gente já viu e vem fazendo, muito voltado mesmo para o lado humanizado, interessado no ser mesmo. O que me atraiu bastante foi o momento terapia da ikebana. Acredito que o resultado desse trabalho traz coisas positivas”, destacou.

A programação segue a tarde com a palestra “A importância do desenvolvimento da habilidade de leitura e as questões envolvidas no (in) sucesso desse processo”, ministrada pela professora doutora Monica Alvarez Gomes, da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Outra temática abordada será “Buscando o melhor de mim: Um encontro com o Ser e Fazer de cada um”, com a professora mestra Giuliana Elisa dos Santos.