Campo Grande, MS
quinta-feira, 27 de janeiro, 2022

Notícias

Mídia CG > Notícias > INSCRIÇÕES PARA PROCESSO DE ESCOLHA DOS CONSELHOS TUTELARES DE CAMPO GRANDE VAI ATÉ DIA 29 DE MARÇO

INSCRIÇÕES PARA PROCESSO DE ESCOLHA DOS CONSELHOS TUTELARES DE CAMPO GRANDE VAI ATÉ DIA 29 DE MARÇO

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e a  Secretaria Municipal Assistência Social (SAS) informam a abertura das inscrições para candidatos ao Processo de Escolha em Data Unificada para conselheiros tutelares titulares e suplentes. O prazo para a inscrição encerra no dia 29 de março.

O Conselho Tutelar, órgão permanente e autônomo, não jurisdicional, é encarregado de zelar pelo cumprimento dos direitos da criança e do adolescente.  O processo de escolha do conselheiro tutelar está em conformidade com o Estatuto da Criança e do Adolescente (Lei Federal nº 8.069/90) pela Resolução nº 170/2014 do Conselho Nacional dos Direitos da criança e do Adolescente (Conanda) e pela Lei Municipal nº 4.503/2007 com sua alterações.

Diretrizes

O processo de escolha em data unificada dos membros do Conselho Tutelar respeita as seguintes diretrizes: será realizado para o preenchimento de 5 vagas para membros titulares e 10 vagas para seus consequentes suplentes, em cada Conselho Tutelar, conforme Decreto de Regulamentação do Executivo Municipal. A candidatura deverá ser individual, não sendo admitida a composição de chapas, em conformidade com o disposto editado pelo Conanda.

A participação no presente Processo de Escolha em Data Unificada será feito por meio de inscrição, sendo necessário preenchimento de requerimento, conforme modelo no Anexo I, do edital N.01/CMDCA/2019-1 publicado em 28 de fevereiro de 2019 no site do CMDCA –  http://www.campogrande.ms.gov.br/cmdca/processo-de-escolha-em-data-unificada-20202023/

De acordo com o Edital, as inscrições serão realizadas no período de 11 a 29 de março, no horário das 8h às 10h30 das 13h às 16h30, pessoalmente, na sede do CMDCA, localizada à Rua Hélio Castro de Maia, 279 ( bairro Jardim Paulista).

Ao realizar a inscrição, o candidato deverá entregar pessoalmente  ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente cópia autenticada em cartório de toda documentação, conforme previsto no edital, em envelope lacrado, com identificação na parte externa do nome do candidato, número de RG e telefone.

Os documentos (contidos no anexo II) a serem entregues são: certidão negativa de antecedentes criminais das Justiças Federal, Estadual e Militar (Militar no caso se for do sexo masculino); Certidão de quitação eleitoral; Documento de identificação com foto e de validação nacional com validade de até 10 anos a contar da data de expedição; Diploma e/ou Histórico Escolar de Conclusão de Curso Superior.

O interessado também deverá entregar o Comprovante de residência no município de Campo Grande; Comprovante de experiência na promoção, defesa ou atendimento na área dos direitos da criança e do adolescente mediante carta de apresentação emitido por entidade com idoneidade moral, sendo que para as organizações da sociedade civil que atendem diretamente crianças e adolescentes deverão estar inscritas e regulares neste Conselho; Termo de disponibilidade de tempo, para dedicar-se exclusivamente, 40 horas semanais, mais o regime de plantão (noturno, finais de semana, feriados), conforme Anexo III do edital.

De acordo com o edital, os requisitos básicos exigidos para o exercício  da função são: Reconhecida idoneidade moral; Idade superior a vinte e um anos; Residir no município há pelo menos 2 (dois) anos; Possuir Diploma de nível superior; Comprovar experiência na área da Infância e Adolescência; Não ter sido penalizado no exercício de sua função de Conselheiro Tutelar nos 5 anos antecedentes ao Processo de Escolha.

As etapas do processo de escolha unificada deverão ser organizadas da seguinte forma:

I – Primeira Etapa: Inscrições e entrega de documentos;

II – Segunda Etapa: Análise da documentação exigida;

III – Terceira Etapa: Exame de conhecimento específico, prova prática de informática, avaliação psicológica e entrevista, homologação e aprovação das candidaturas;

IV – Quarta Etapa: Dia do Processo de Escolha Unificada;

V – Quinta Etapa: Formação inicial;

VI – Sexta Etapa: Diplomação e Posse.