Campo Grande, MS
quinta-feira, 27 de janeiro, 2022

Notícias

Mídia CG > Notícias > PREFEITURA INAUGURA EMEI E AMPLIA ATENDIMENTO PARA CRIANÇAS DO NASCENTE DO SEGREDO

PREFEITURA INAUGURA EMEI E AMPLIA ATENDIMENTO PARA CRIANÇAS DO NASCENTE DO SEGREDO

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), entregou na manhã desta terça-feira (27), o novo prédio que vai abrigar os alunos da antiga EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil) Nascente do Segredo. A solenidade de inauguração contou com a presença do prefeito Marquinhos Trad, da vice-prefeita, Adriane Lopes, da secretária municipal de Educação, Elza Fernandes, e da secretária-adjunta, Soraia Campos, além de profissionais, técnicos e superintendentes da Rede Municipal de Ensino (Reme).

A unidade recebeu o nome de “Professora Elenir Zanqueta Molina” e irá ampliar o número de vagas nos grupos dois e três. Antes funcionando em um prédio da Secretaria de Assistência Social, era possível atender apenas 83 alunos. Agora, com um maior número de salas, a unidade pode atender 120 alunos por período.

O prefeito Marquinhos Trad destacou o empenho da gestão em concluir as demais oito obras de EMEIs. “Desde que assumimos, eu e a Adriane estamos visitando todas as obras de escolas e estamos otimizando as receitas para honrar com nossos compromissos. Estamos trabalhando para entregar essas oito unidades até o final do nosso mandato”, afirmou o prefeito, que também ressaltou o profissionalismo da professora Elenir, que deu nome à EMEI. “Ela sempre será uma luz e exemplo para essas crianças que estudam aqui. Por isso, cabe aos profissionais que irão trabalhar nesta unidade, perpetuar o trabalho de excelência que ela realizou”, pontuou.

7Z2A8874 (Copy)

Outra novidade é a inclusão de turmas de berçário. Com isso, a nova EMEI atenderá o quadro completo da Educação Infantil, abrangendo do grupo 1 (antigo berçário) até o grupo 5 (Pré-Escola) , que é de crianças de zero a cinco anos.

A vice-prefeita Adriane Lopes destacou a importância que a escola irá representar para a comunidade do Nascente do Segredo e região. “É a oportunidade que essas mães têm para trabalhar e contribuir com a renda familiar, sabendo que seus filhos estão recebendo educação e sendo cuidados com muito carinho, dedicação e amor pelos servidores da gestão da Educação. Inaugurar uma EMEI é dar oportunidade para toda uma região”, disse.

Já a secretária Elza Fernandes destacou que o maior ganho com a unidade é poder ampliar o número de atendimentos, que salta de quatro para nove turmas. “Hoje é um dia de muita alegria para nós porque estamos concretizando um sonho dessa comunidade, pois teremos condições de atender mais de 200 crianças. Era mais uma obra que estava parada e foi retomada”, frisou.

A diretora da unidade, Juliana Ferreira de Souza, disse que o prédio foi um  renascimento da EMEI. “A comunidade está recebendo de braços abertos essa nova obra, que foi muito aguardada. É uma nova equipe, uma ampliação de vagas e isso vem contribuir para a comunidade”, destacou.

Emocionado com a homenagem, o filho da professora Elenir, Claudio Marques Costa Júnior, que lembrou do legado da mãe. “Desde que me conheço por gente ela se empenhou para entrar na Educação Infantil. A família está feliz porque a escola era a segunda casa dela e tratava as crianças como se fossem seus filhos dela. Ter o nome em uma unidade, fecha com chave de ouro seu trabalho”, ressaltou.

Estrutura

A obra da Escola Municipal de Educação Infantil “Professora Elenir Zanqueta Molina”  começou em agosto de 2012. Em função de várias interrupções, foram sete anos entre a assinatura da ordem de serviço e a entrada em funcionamento da unidade neste mês. A obra teve a primeira interrupção em julho de 2013.

7Z2A8720 (Copy)

Em 2017, quando a atual gestão assumiu, apenas  53% do projeto estava executado.  Foi preciso atualizar a planilha da obra (feita em 2012) e com isto, a contrapartida da prefeitura aumentou 48,18%, passando de R$ 702.247,09, para R$ 1.040.657,00, um acréscimo de R$ 302.409,00. A participação do FNDE se manteve a mesma (R$ 1.322.381,91).  A construção que há sete anos foi orçada em R$ 2.024.629,00, terminou custando  R$ 2.383.038,73.

A construção tem 1.211 metros quadrados. O prédio conta com oito salas de aula, com área de repouso e solário individual. Já as salas de berçário terão banheiros internos. A estrutura conta ainda com sala  para secretaria, refeitório, lactário para os berçários e cozinha.

É a quarta Escola Municipal de Educação Infantil  do lote de 12 unidades que foram iniciadas em 2012 e em 2017, início da atual gestão, estavam com obras paralisadas. Já foram inauguradas as EMEIs do Tijuca, Noroeste e Centenário.

O espaço amplo da unidade agradou os pais presentes à inauguração, como o casal Jonathan Barbosa e Beatriz Aparecida dos Santos Barbosa, pais do pequeno Gabriel, de cinco anos. “Está muito lindo o espaço e as novas salas de brinquedo e leitura são um incentivo para eles estudarem mais e virem para a escola”, ressaltou Jonathan, que completou elogiando a gestão em concluir a obra. “Com essa EMEI as crianças não precisarão sair do bairro para buscar atendimento em outras unidades que tenham berçário”, disse.

Também participaram da inauguração, o secretário Municipal de Governo e Relações Institucionais, Antônio Cézar Lacerda Alves,  lideranças de bairros e os vereadores Willian Macksoud, Carlão, enfermeira Cida Amaral e Betinho