Campo Grande, MS
quinta-feira, 26 de novembro, 2020

Notícias

Mídia CG > Notícias > Reinaldo Azambuja defende fim da burocracia que impede desenvolvimento do setor produtivo

Reinaldo Azambuja defende fim da burocracia que impede desenvolvimento do setor produtivo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

Ao discursar nesta quarta-feira (16.1) no lançamento da 24ª edição do Showtec, em Maracaju, o governador Reinaldo Azambuja defendeu o fim da burocracia que impede o desenvolvimento do setor produtivo brasileiro.

“O setor agropecuário tem papel fundamental na economia do País. Cabem aos governos a obrigação de diminuir os entraves e amarras que atrapalham o setor produtivo”, afirmou ele na abertura da feira tecnológica que reúne expositores nacionais.

Para o gestor, um dos caminhos é a simplificação da relação entre o poder público e os produtores rurais. Outro, é a ampliação de investimentos em logística e competitividade. “O Brasil deve muito nessa área a quem produz, aos setores agropecuário e industrial”, avaliou.

“Com pesquisa, segurança jurídica e produtividade, nós temos condições de ser um país que cada vez mais vai ocupar mercado. O Brasil crescendo, cresce a economia para todos”, afirmou o governador.

Há 24 anos Showtec expões novas tecnologias que contribuem para o aumento da produtividade do campo

Brasil, celeiro do mundo

Secretário de Inovação, Desenvolvimento Rural e Irrigação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Fernando Camargo, representou a ministra Tereza Cristina no evento e destacou que o Brasil é um dos principais produtores de alimentos do mundo.

“E nos próximos 10 anos, o mundo precisará de um aumento de 20% no fornecimento de alimento. Para cumprir essa meta, o Brasil precisa aumentar em 40% a produtividade.  Só vamos conseguir isso com inovação e novas tecnologias”, disse ele se referindo ao Showtec.

R$ 1,6 milhão para pesquisa

Ainda no Showtec, o governador Reinaldo Azambuja autorizou o repasse de R$ 1,6 milhão para o desenvolvimento da pesquisa científica “Validação de Tecnologias para as Culturas de Soja e Milho, no Estado de Mato Grosso do Sul”. O projeto foi apresentado pelo Fundo para Desenvolvimento das Culturas para o Milho e para a Soja (Fundems), com apoio da Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect).

Participaram da abertura da 24ª edição do Showtec o presidente da Fundação MS, Luciano Mendes; o prefeito de Maracaju, Maurílio Azambuja; os secretários estaduais Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégica) e Jaime Verruck (Meio Ambiente, Produção e Agricultura Familiar); os deputados Paulo Corrêa, Zé Teixeira, Enelvo Felini e Márcio Fernandes; o deputado estadual eleito Gerson Claro; o senador eleito Nelson Trad Filho; o reitor da UEMS, Fábio Edir dos Santos; o presidente da Famasul, Maurício Saito; e o presidente da Fiems, Sérgio Longen.

Fonte: Portal do MS