Campo Grande, MS
quarta-feira, 25 de novembro, 2020

Notícias

Mídia CG > Notícias > SETEMBRO AMARELO E SEMANA DA ÁRVORE GANHAM AÇÕES DE CONSCIENTIZAÇÃO NA VILA MARGARIDA

SETEMBRO AMARELO E SEMANA DA ÁRVORE GANHAM AÇÕES DE CONSCIENTIZAÇÃO NA VILA MARGARIDA

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on pinterest

O mês de setembro tornou-se sinônimo da palavra conscientização quanto ao bem-estar mental e ao meio ambiente em que vivemos. Para chamar a atenção,  a Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur), da Secretaria Municipal de Saúde Pública (Sesau), da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana (Semadur) e  da Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano (Planurb) promoverá nesta quarta-feira (19) o projeto Culturalmente: plantando vida.  O encontro ocorrerá a partir das 9 horas, na Praça da Vila Margarida, localizada na Rua Naviraí esquina com Rua General Genebra).

A ação será realizada em virtude dos temas pertinentes do mês de setembro: prevenção ao suicídio e conscientização ambiental. Da mesma forma que se tornou necessário falar sobre o ato contra a própria vida é ainda importante comentar a respeito da árvore no meio ambiente e a importância da preservação do meio ambiente.

Na programação do projeto estão incluídas apresentação do coral do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), declamação de poesias, quinteto de jazz, contação de história, além da distribuição e plantio de mudas.  A parte artística das ações são oriundas do projeto Culturalmente, que leva a Cultura em formato de terapia Cultura para pacientes dos CAPS.

“Os pacientes ganham qualidade de vida mental por meio da Cultura. Desde o ano passado levamos às unidades de atendimento psicossocial aulas de música e leitura. Recentemente iniciamos as aulas de teatro e em breve ampliaremos ainda mais as oficinas”, comenta a coordenadora do Culturalmente e secretária-adjunta da Sectur, Laura Miranda.

Como o projeto é realizado em parceria com a Sesau, a psiquiatra e coordenadora de Saúde Mental Ana Carolina Guimarães comenta que a ação desta quarta-feira  (19) não poderia deixar de mencionar a questão que envolve o suicídio.

“É no mês de setembro que temos que falar da importância de se debater a questão considerando não somente o aspecto social, mas também individual. Neste sentido, o Culturalmente traz a perspectiva de o estímulo criativo dar sentido à existência da pessoa”, comenta.

Arborização e bem-estar

O secretário municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, Luís Eduardo Costa, destaca a relevância da arborização para os cidadãos. “Um fato que não se discute é o de que a arborização urbana contribui para a melhoria da cidade como um todo. Entre os benefícios podemos relacionar ao bem-estar psicológico, efeito estético, a sombra proporcionada, proteção contra o vento, auxilia na diminuição da poluição sonora e das temperaturas, reduz o impacto da água de chuva além da preservação da fauna”, finaliza.