Campo Grande, MS
terça-feira, 16 de agosto, 2022

Saúde

Mídia CG > Saúde > VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19 E INFLUENZA SEGUE DISPONÍVEL NESTA SEGUNDA

VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19 E INFLUENZA SEGUE DISPONÍVEL NESTA SEGUNDA

Fonte: PMCG

Diante da queda na procura por vacinas e o aumento de casos de doenças respiratórias e da Covid-19, a Prefeitura Municipal de Campo Grande alerta sobre a importância de manter a caderneta atualizada, principalmente o público idoso. Durante a semana, mais de 40 pontos de imunização estão abertos durante todo o dia para atendimento da população.

Conforme a Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), a primeira dose da vacina contra a Covid-19 continua disponível para todas as pessoas com 5 anos ou mais.  Aqueles que precisam tomar a sua segunda dose devem ficar atentos a data descrita no comprovante de vacinação. A carteirinha pode ser consultada pelo site:http://vacina.campogrande.ms.gov.br.

A terceira dose está disponível para pessoas de 18 anos ou mais que tomaram a segunda dose há pelo menos quatro meses, assim como pessoas de 12 a 17 anos com imunocomprometimentos vacinadas há 28 dias.

Já a quarta dose é voltada a pessoas de 50 anos ou mais, trabalhadores da saúde de qualquer idade e pessoas com imunocomprometimento de 18 anos ou mais vacinados há quatro meses.

Até o momento, 724,8 mil pessoas foram vacinadas com a primeira dose, o que representa 80% de toda a população campo-grandense. Destas, 687,4 mil tomaram a segunda dose, 376,4 mil a terceira e 92,7 mil a quarta. Ao todo já foram aproximadamente 1,8 milhão de doses aplicadas.

O calendário  coms os públicos e locais está disponível no site: http://www.campogrande.ms.gov.br/sesau/vacinacg.

Vacinação contra a Influenza

Prorrogada até o dia 24 de junho, a campanha contra Influenza começou em abril e depois de dois meses, somente 33% da população alvo de Campo Grande foi imunizada contra os três vírus da gripe. Das mais de 295 mil pessoas que se enquadram para receber a dose neste momento, somente 99.907 procuraram por uma unidade de saúde, conforme a última parcial divulgada no dia 10 de junho.

Desde o início do ano, Campo Grande registrou 37 óbitos por H3N2, a maioria ocorridos no mês de janeiro, após um surto atípico do vírus no entre o final de 2021 e o início deste ano. A vacina disponível no SUS protege contra três dos principais vírus circulantes, o H1N1, H2N3 e Influenza B. 

Outros grupos que comumente atingem a marca de 90% de cobertura, conforme preconizado pelo Ministério da Saúde, são os trabalhadores da saúde, onde 49,34% do grupo foi vacinado,  idosos , com 44,51%, e crianças entre seis meses e menores de cinco anos, com 25,33% de cobertura.

Também podem se vacinar as gestantes, puérperas até 45 dias pós parto, População indígena, pessoas com comorbidades e as que tenham deficiências permanentes, caminhoneiros, trabalhadores do transporte rodoviário de passageiros, trabalhadores portuários, Forças de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários do sistema penitenciário, população privada de liberdade e jovens em cumprimento de medidas socioeducativas também precisam buscar por uma unidade de saúde. 

A vacina contra a Influenza está disponível em todas as unidades básicas e de saúde da família do Município.