Campo Grande, MS
quinta-feira, 26 de maio, 2022

Notícias

Mídia CG > Notícias > PREFEITURA LANÇA CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA INTERESSADOS EM ATUAR NAS COMUNIDADES TERAPÊUTICAS

PREFEITURA LANÇA CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA INTERESSADOS EM ATUAR NAS COMUNIDADES TERAPÊUTICAS

Fonte: PMCG

A Prefeitura de Campo Grande lançou ontem (3), o primeiro curso de capacitação para pessoas interessadas em trabalhar em Comunidades Terapêuticas (CTS), totalmente gratuito. O projeto é realizado em parceria com a Federação Sul Mato-Grossense de Comunidades Terapêuticas (Fesmact).

A ação é realizada por meio da Subsecretaria de Defesa dos Direitos Humanos de Campo Grande (SDHU) meio da Coordenadoria de Proteção à População de Rua e Políticas sobre Drogas (COPRAD) 

“Serão oferecidas 55 vagas, com aulas três vezes por semana, das 19h às 22h, durante 30 dias. Logo nesse período, entra uma nova turma e se dá um intervalo de 30 dias para novos interessados. Já são mais de 180 pessoas que nos procuraram para saber sobre o curso. Os alunos terão aulas específicas com 16 professores voluntários, que vão ministrar os conteúdos com apostila”, explica o subsecretário da SDHU,  Amadeu Borges. 

As aulas serão realizadas no Conselho Estadual de Políticas Públicas Sobre Drogas (CEAD), que cedeu o espaço gratuitamente para a SDHU. Uma das professoras que integra o corpo docente do curso preparatório é a psicóloga Natália Borges Dias. Ela explica como será direcionado o conteúdo do projeto.

“Primeiramente, será explicado sobre todos os procedimentos e conceitos sobre o funcionamento de uma Comunidade Terapêutica. Em seguida, vamos abordar o autoconhecimento. É muito importante o aluno se identificar e ter o perfil para atender esse trabalho, porque se trabalha com vidas que nem sempre são saudáveis. É preciso se entender para concluir que esse trabalho lhe serve; logo, é preciso trabalhar em equipe, inteligência emocional, primeiros socorros e os grupos de autoajuda que são apoio como os CRAS, CAPS, narcóticos e alcoólicos anônimos. Por fim, há conteúdo sobre dinâmicas de reintegração dos assistidos no retorno à vida social”, detalha Dias. 

Vale ressaltar que o curso vai preparar pessoas para serem apoios de profissionais técnicos e com formação nas comunidades como médicos, psicólogos, terapeutas, entre outros.

“O lançamento desse curso é um marco para o Mato Grosso do Sul, é uma fundamentação para um atendimento de melhor qualidade que já realizamos nas comunidades. Estamos há quatro anos em convênio com a prefeitura, uma exclusividade dessa gestão e vivemos esse tempo detectando necessidades de como pessoas interessadas em trabalhar com a gente, precisaria entender uma CT para nos apoiar”, aponta  Samir Zayed, presidente da Fesmact.

Hoje em Campo Grande são 11 Comunidades Terapêuticas conveniadas à Prefeitura Municipal, com 300 vagas disponíveis, que de forma gratuita, realiza o acolhimento de pessoas em vulnerabilidade e com transtornos decorrentes do uso, abuso ou dependência de substâncias psicoativas, em regime de caráter exclusivamente voluntário (espontâneo).

“Em 2021, a SDHU atendeu 918 pessoas em Campo Grande. Já de janeiro a abril de 2022 foram atendidas 349 pessoas, sendo 231 encaminhadas para as comunidades. E isso tudo é possível graças às parcerias, é como eu sempre costumo dizer, ninguém é tão bom quanto todos nós juntos. Isso é desenvolvimento social e os Direitos Humanos é a grande marca dessa gestão”, finaliza Bárbara Cristina Rodrigues, diretora adjunta da SDHU e coordenadora da COPRAD.

Serviço

Informações do curso pelo telefone (67) 3342-0731 ou diretamente na Avenida Eduardo Elias Zahran, 741 – Vila Antônio dos Vendas.